Oitava Edição: "Sexualidades e Diversidade"

Hands-(4).jpg  
Editorial
Adrienne Harris, 19 de julho de 2019

Sexualidades e Diversidade é o tema da nova edição do e-Journal. Essa edição está  sendo lançada  simultaneamente  aos muitos trabalhos e painéis que fazem parte do Congresso Internacional da IPA, que ocorre no fim de julho em Londres, Inglaterra. Fascinante e provocativamente, o congresso que foi intitulado “O Feminino” trará uma abordagem rica e diversa na busca de respostas ao enigma do seu título. Mais.
Mudanças acontecem em um nível social e cultural. Essas mudanças influenciam adolescentes e jovens em diferentes áreas, incluindo sua sexualidade. O que permanece e o que mudou nesta área?
A abordagem psicanalítica pós-moderna da sexualidade e gênero se assenta numa intersecção. Essas formas de identidade são fixas e fluidas. Observa-se o vigor da história e a potência do inconsciente.
Dr. phil., Dipl. Psych. Elisabeth Imhorst
A "mulher gay" como uma variante da identidade trans feminina
A identidade sexual é um conceito genérico constituído por dois polos. Aquele relacionado ao objeto é a orientação sexual. O polo narcísico é aquele que se refere à identidade de gênero/ao gênero.
A ideia de se apaixonar por uma boneca surge na arte, na literatura, em filmes e na música. A externalização desse tipo de fantasia pode levar à transformação da personalidade.
Assim como o conceito de espectro autístico amplia a compreensão da diversidade humana, ampliará também a compreensão da diversidade sexual humana.
Dr. Ann Pellegrini, Ph.D.
Dr. Avgi Saketopoulou, Psy.D.
Tomar partido: os pronomes el@s/@s [they/them], gênero e o psicanalista
Os analistas estão percebendo cada vez mais que a pluralidade de gênero tem vínculos com o que o paciente virá a ser no futuro e isso aponta para o que a psicanálise pode e deve vir a ser.
Nasce-se menino ou menina, mas não seremos necessariamente assim. Não se nasce hétero, homo, transexual … nos tornamos.
A partir de duas recentes manifestações culturais sobre a questão identitária o autor reflete sobre as dificuldades do debate público sobre a diversidade.
 
Chamada de trabalhos!
 

Chamada para Contribuições 

Reflexões psicanalíticas

Psychoanalysis.Today tem interesse por questões relativas a muitos campos da experiência humana, como política, sociedade, cultura, relações humanas, meio-ambiente, mundo intrapsíquico, experiência íntima etc e acreditamos que os psicanalistas têm muito a contribuir para a discussão das questões contemporâneas.

Convidamos você a enviar sua contribuição para essa discussão. Você pode escolher entre diversos formatos: textos (de até 1000 palavras), filmes (até 10 minutos), fotografias, quadrinhos ou entrevistas que tenham conexão com o tópico que você deseja compartilhar.

Aceitamos contribuições relacionadas à teoria psicanalítica, trabalho clínico e experiências. É importante ressaltar que o autor é responsável pelo conteúdo de sua contribuição. Considerações éticas a respeito de material clínico são da responsabilidade do autor.

Por favor, envie sua contribuição através de nosso site ou para info@psychoanalysis.today

As contribuições serão revisadas por colegas que utilizarão critérios ligados ao conteúdo, interesse, clareza e criatividade. O Conselho Editorial reserva-se o direito de decidir sobre sua publicação.

Sinta-se convidado a compartilhar conosco suas ideias, experiências e interesses.
 

Dr. Daniel Alfredo Biebel (Chair)
Psic. Marina Kon Bilenky
Dipl. Psych. Ursula Burkert (Chair)
Mme Chantal Duchêne-González
Dr. Helen Fronshtein
Dr. Adrienne E. Harris
Lic. Liliana Pedrón Martín
Ms. Gouri Salvi

 
  Reflexões psicanalíticas